Tel.: (71) 3217-8600 / e-mail: ouvidoriahs@prodalsaude.com.br

Fogos de São João
Prevenindo acidentes

O São João está chegando e com ele vem a queima de fogos de artifício, tão típicos do período festivo. Durante as festas juninas, cresce o número de ocorrências relacionadas a queimaduras, lacerações e até mesmo mutilações pelo uso incorreto dos fogos, que também podem causar lesões nos olhos e surdez. Para prevenir esse e outros tipos de acidente, inclusive com a rede elétrica, o Corpo de Bombeiros do Hospital do Subúrbio (HS) reuniu dicas importantes para que todos aproveitem a festa protegidos, seja dentro de casa ou na rua.

O bombeiro do HS Roque Costa explica que é preciso manter distância da rede elétrica e não soltar fogos de artifício na direção de postes e cabos de energia. Longe deles também devem estar as fogueiras. “O calor das chamas pode danificar cabos e estruturas, provocando curtos-circuitos e interrupção de energia”, esclarece Costa.

Outro alerta envolve a decoração junina, como bandeirolas e outros adereços, que deve ser montada com materiais não condutores de eletricidade e longe da fiação elétrica. Fitas metalizadas, papel alumínio ou laminado e arames para prender bandeirolas e demais enfeites devem ser substituídos por barbante comum ou fitilho plástico. O bombeiro Costa ainda chama a atenção para a prática de soltar balões que, além de implicar alto risco, configura crime.

Os pais precisam ter atenção redobrada com as crianças, incluindo o manuseio de fogos que não estouraram, pois ainda podem machucar. Como bombas têm alto poder de mutilação, apenas fogos sem perigo devem ser ofertados a crianças, como os traques de massa.

Em caso de queimadura, o acidentado deve ser levado ao serviço de saúde mais próximo para que um profissional avalie a gravidade do ferimento. A pessoa pode lavar a lesão com água fria e deve evitar passar a mão suja no local, usar produtos como óleo, manteiga, pasta de dente ou cobrir a área com algodão.

Confira outras orientações que o Corpo de Bombeiros preparou junto ao Serviço Social do HS e Escola Hospitalar:

• Não solte fogos perto de árvores ou fios elétricos.

• Nunca tente reacender bombinhas ou rojões já usados.

• Prolongue com varetas os rojões ou bombinhas para estarem distantes da mão.

• Não guarde grandes quantidades de fogos num único local.

• Uma vez usados, rojões e bombinhas devem ser jogados em um balde de água.

• Jamais carregue fogos de artifício em bolsos ou bolsinhas.